O PAPEL DO ARTISTA

 

 

2013

Ação

Adesivo sobre embalagem de quatro rolos de papel higiênico

Num contexto onde o/a artista e a arte não têm grande valorização, são poucos os espaços expositivos tradicionais como museus e galerias disponíveis e o/a artista precisa estar sempre lutando pelo seu reconhecimento e pela legitimação da sua prática, surge esta ação que problematiza tais questões de forma bem-humorada sem deixar de ser crítica e profunda: qual é, afinal, o papel do artista?


Atento às poéticas de Piero Manzoni e Cildo Meireles Estêvão criou um adesivo para ser aplicado sobre rótulos de embalagens de quatro rolos papel higiênico e com a sobreposição da inscrição O papel do artista, ele ressignifica
e se apropria deste produto de consumo diário, tornando-o parte de seu discurso e contribuindo para o questionamento sobre a posição do artista na sociedade brasileira atual. 

 

A ação consistiu em ir a um supermercado de Porto Alegre, adesivar algumas embalagens de papel higiênico e deixá-las nas prateleiras para que fossem compradas pelos clientes da loja. O próprio artista comprou algumas e levou para a exposição. O processo foi registrado pelo fotógrafo Giuliano Lucas e teve participação de Michele Zgiet.

 


 

© 2015 by ESTÊVÃO DA FONTOURA. Made with Wix.com

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon
  • SoundCloud Social Icon
Foto: Giuliano Lucas

O PAPEL DO ARTISTA 2013 Ação Adesivos sobre embalagem de 4 rolos de papel higiêncio